McLaren MCL35M

A McLaren enfrentou um desafio único rumo a 2021 como a única equipe a mudar radicalmente a unidade de energia para um Mercedes-AMG M12 E Performance.

E isso ficou mais difícil devido ao covid-19, que obrigou o esporte a ser suspenso por vários meses e teve um grande impacto na forma de trabalhar.

Não só se teve menos tempo para começar a instalar o motor, como também ter que fazer muito trabalhando em casa.

Foi necessário um esforço extraordinário de todos na equipe, além do excelente suporte da Mercedes, para instalar uma unidade de força muito diferente da que se estava usando. Confira também o regulamento de motores vigente na F1 no Canal InfoMotor.

 A unidade de força é uma parte fundamental da arquitetura de um carro e, como muitos dos componentes da Mercedes, como o motor e o armazenamento de energia, têm geometrias diferentes em comparação com o usado no ano passado, tendo que ser redesenhado todo o carro, respeitando as regras de homologação, o que significa transportar elementos do ano passado sempre que possível e adaptar o novo McLaren MCL35M .

Media McLaren