Potência de um Motor de Quatro Tempos, Ciclo Otto

2006-bugatti-veyron-w16-engine-cutaway-1920x1440

O motor de combustão interna é uma máquina que converte, através de uma mistura, reação química e um ciclo de trabalho, energia térmica em energia mecânica, e a resultante desse trabalho é a potência.

A potência é uma das grandezas mais cotadas na informação técnica sobre o motor. Quando a questão é desempenho, o quesito potência é levado em conta. A potência é o trabalho final realizado pelo motor transformando, no caso do motor, torque e movimento que vai ser distribuído as rodas.
A potência do motor é uma quantificação de força, dada em cavalos vapor (CV) e pode ser vista da seguinte forma: 1CV corresponde a força gerada para erguer um peso de 76 kg a 1 Metro de altura no tempo de 1 Segundo, ou seja, se uma caixa com um peso de 76Kg estiver no chão, e tivermos um desafio de ergue-la a 1 Metro de altura em cronometrados 1 Segundo estamos gerando uma potência de 1 CV ou 736 Watts.

2006-bugatti-veyron-w16-engine-cutaway-1920x14401
[Imagem: Copyright Seriouswheels, Motor Bugatti Veyron]

O motor de combustão interna pode gerar em muitas vezes este número. É preciso entender que essa potência também é proporcional a alguns fatores, como um número maior de cilindros, tipo de combustível, materiais e taxa de compressão mais elevadas entre outros.
Pelo sistema internacional (S.I.), a potência é quantificada em Watt (W), em homenagem a quem teorizou a experiência citada acima, James Watt. 1 Cv pode ser convertido para Watt, apenas multiplicando o número de CV por 736 Watt.

Texto: Gionei da Rocha
Imagem: Copyright Seriouswheels