Biopneus com Borracha de Plantas Alternativas

Postado em: 07/2012

basque

A parceria de um projeto denominado EU-PEARLS, desenvolvido por cientistas de oito países da união européia, tem por objetivo extrair látex, para a produção de todos os derivados de borracha automotivos, inclusive os pneus, e desbancar o mercado oligopolizado pela Ásia.

A idéia foi extrair a matéria-prima látex, base para a produção de qualquer produto de borracha, de plantas alternativas como das plantas guaiúle (Parthenium argentatum) e dente-de-leão da Rússia (Taraxacum kok-saghyz), um parente do dente-de-leão encontrado no Brasil (Taraxacum officinale) .

4076_qlite-fabriek

A atual produção da Europa depende das seringueiras da Malásia, Indonésia e Tailândia, devido a solo e clima. Com essa nova pesquisa os cientistas preveem a redução de milhões de euros no comercio de látex e redução extremamente significativa no impacto ambiental, visto que o cultivo e ciclo dessas novas plantas são mais sustentáveis.

A fabricante de pneus alemã Apollo Vredestein já começa a testar alguns protótipos desse novo látex em panus desenvolvidos para os automóveis de passeio médio. A idéia da empresa é viabilizar uma linha que atenda todos os segmentos de transporte.

Texto: Gionei da Rocha
Imagens: Basqueresearch.com



Comentário(1) Abrir comentarios