SBK Series Fecha Temporada com Corrida Eletrizante

Postado em: 12/2011

20111218140948

Sob céu azul e calor de 32ºC em São Paulo, mais de 20 mil pessoas compareceram ao autódromo de Interlagos e viram a mais emocionante etapa do SuperBike Series Brasil na temporada 2011.

Com muitas ultrapassagens, pegas alucinantes e alternância de posições, a corrida terminou com a vitória de Danilo Andric (#64), da equipe Limited Motosports, a 10ª vitória dele no ano. Outros dois que comemoram muito neste domingo, 18, foram Alecsandre de Grandi (#90), o Doca, da Team de Grandi Bardhal, que, com o quarto lugar, sagrou-se vice-campeão do TNT SuperBike; e José Luiz Teixeira (#51), o Cachorrão, da J. Cachorrão RT, que chegou em quinto e ficou com o vice-campeonato do SuperBike Series Brasil.

20111218140315

Para Andric, seu desempenho na corrida foi dez. “Uma vitória em Interlagos sempre tem um gosto especial. Foram dez vitórias ao longo do ano, mas nenhuma foi fácil. Então, quero agradece a todos os pilotos que correram comigo e me ajudaram a fazer essa festa. Sei que nos divertimos muito”, comemorou o piloto #64.

Vice-campeão do TNT, Doca falou sobre sua conquista. “Fico feliz de ter sido vice-campeão do TNT. No ano passado, fui vice no geral e este ano do TNT. Estou muito feliz com o resultado. Para 2012, vou com um equipamento mais novo, pois este já está defasado. Quero estar mais competitivo ainda”, contou Doca.

O outro vice-campeão do dia, Cachorrão, disse que seu ano foi abençoado. “A primeira etapa foi a pior pra mim. Hoje, mesmo com o quinto lugar, sei que foi uma das melhores provas do ano. Administrei a quinta posição e consegui o vice no geral e o terceiro lugar no TNT. Este ano, eu fiquei com o terceiro lugar no Pirelli, o terceiro no TNT e o vice no geral, e isso é tudo pra mim”, vibrou o piloto da J. Cachorrão RT.

201112181409481

A corrida

Na largada, Andric manteve a primeira posição, seguido por Diego Pretel (#88), da Metric Method. Quem se deu bem na largada, como de costume, foi Doca, que saltou do sexto para o terceiro lugar. Cachorrão e Bruno Corano (#34), este da Desodorante Gillette SuperBike Team, não largaram bem, o piloto #51 caiu da quarta para a sétima posição, já o #34 caiu de quinto foi para sexto.

Já na segunda volta, Andric abriu um segundo de vantagem para Pretel. Na volta seguinte, Corano recuperou a quinta posição, após ultrapassar Rafael Paschoalin (#111), da TT Brazilian Team.

Tentando tirar a diferença para Andric, Pretel estabeleceu a volta mais rápida da prova, 1:41.482 na quarta volta. Com isso, diminuiu a diferença para 0.7 do líder. Enquanto isso, a briga pelas quinta, sexta, sétima e oitava posições ficou eletrizante. Corano, Paschoalin, Cachorrão e Benedicts travaram pegas alucinantes. Durante toda corrida, eles alternaram posições.

Na nona volta, a disputa pela liderança ficou intensa. Após um erro de traçado de Andric, Pretel assumiu a ponta. Na mesma volta, porém, Andric reassumiu o primeiro lugar. O piloto #88, no entanto, não deixou por menos e, no “S do Senna”, ultrapassou o piloto da Limited Motosports. Na décima primeira volta, Andric ultrapassou Pretel e voltou à liderança. Logo atrás dos líderes, Pedrosa, que era o quarto e perseguia Doca desde o início da corrida, enfim, conseguiu passá-lo e ficar com a terceira posição.

20111218141118

Faltando duas voltas para o fim da corrida, Andric imprimiu um ritmo mais forte e aumentou a diferença para Pretel, de 0.8 para 1.5. Na última volta, com 1.6 de vantagem, o piloto #64 desfilou em Interlagos e cravou mais uma vitória no SuperBike Series em 2011, a 10ª dele na temporada.

Texto e Imagens: Press Release Yes Sports



Comentários (0) Abrir comentarios