Prévia Fórmula-1 2011

Postado em: 01/2011

pirelli

A Fórmula 1 2011 está trazendo muitas novidades que prometem mexer com o circo este ano. Tecnologia sempre foi o ponto alto da categoria máxima do automobilismo mundial que vai percorrer o globo em 20 sensacionais corridas, vejamos algumas mudanças.

Com asas traseiras móveis, novo fornecedor de pneus, retorno do KERS e mais uma abundância de mudanças na regulamentação que irão ter um impacto importante sobre a Fórmula 2011 devem fazer a categoria ficar ainda mais disputada.

Sob os novos regulamentos de carroçarias móveis, os pilotos podem regular a asa adequadamente de dentro do cockpit, alterando seu ângulo de incidência através de um intervalo definido. (A asa dianteira móvel, usado em 2010, foi descartado.) A Disponibilidade do sistema é limitada eletronicamente, ela pode ser usada em qualquer tempo nos treinos e qualificação, mas durante a corrida só pode ser ativado quando o condutor for inferior a um segundo atrás de outro carro em pontos pré-determinados na pista. O sistema é então desativado quando os freios são acionados.

Nenhum F-duto ou difusores duplos. Qualquer sistema, dispositivo ou processo que utiliza o movimento como um meio condutor de alterar as características aerodinâmicas do carro é proibido a partir de 2011, isso significa que o F-duto este ano não poderá ser utilizado.

fia2

KERS. A medalha de honra para alguns, um pesadelo para os outros em sua estréia em 2009, o KERS – ou Sistema de Recuperação de Energia Cinética – foi reintroduzido em 2011, após as suspensões a sua utilização em 2010.A energia da frenagem é armazenada em uma super bateria e posteriormente utilizada, quando houver a necessidade, pelo motorista. Os sistemas são essencialmente os mesmos que os observados em 2009, sem aumento na potência máxima permitida (apesar de que poderia mudar nas temporadas posteriores). O desafio que ronda os engenheiros neste momento é o espaço e peso. Antes com o abastecimento os tanques eram menores, agora com a proibição não é tão fácil colocá-lo em um espaço já reduzido. Portanto não se surpreenda se os carros ficarem ligeiramente maiores em relação a 2010. No lado positivo, o peso mínimo do carro foi aumentado por 20 kg para 640 kg no total.

As rodas agora também serão fixas por meio de um cabo à suspensão, gerando mais segurança e prevenindo acidentes muito rotineiros ano passado, inclusive em outras categorias. Na seqüência da decisão da Bridgestone para se retirar no final de 2010, após 13 anos na Fórmula 1, a Pirelli assumiu como fornecedor exclusiva de pneus para a categoria. A empresa italiana irá fornecer a todos os times a borracha para os próximos três anos.

Os jogos de Pneus foram reduzidos de 14 para 11 jogos de pneus secos por piloto por fim de semana. Os pilotos irão receber três jogos para uso em P1 e P2 e devem retornar com um conjunto após cada sessão. Haverá mais oito jogos então à sua disposição para o resto do fim de semana, apesar de uma série de cada especificação deve ser devolvida antes da qualificação. Se um piloto não consegue usar as duas especificações de pneus para pista seca durante uma corrida (a seco), serão excluídos dos resultados. Se uma corrida (seca) é suspensa e não pode ser reiniciada, e um piloto não conseguir utilizar ambas as especificações, 30 segundos serão adicionados ao tempo de corrida.

pirelli

Caixas de velocidades. Como parte das iniciativas de redução de custos ambientais e do esporte, as engrenagens precisam agora de duração de cinco finais de semana de corrida, em vez das quatro anteriores.

Regra de 107% qualificação. Durante a primeira fase de qualificação, qualquer piloto que não estabelecer uma volta dentro de 107 % do tempo mais rápido que no Q1 não será autorizado a iniciar a corrida.

Toque de recolher de Equipe. Um recorte sobre a longas horas de trabalho foi introduzido, com um toque de recolher para o pessoal da equipe relacionados com o funcionamento dos carros. Eles não serão autorizados a entrar no circuito entre meia-noite e seis horas quando a prática está prevista para começar às 10h do dia seguinte, ou 01:00-7:00 quando a prática começa às 11h. Para cada equipe é permitida quatro exceções individuais a esta regra durante a temporada.

Além dessas algumas outras regras foram modificadas, inclusive a ordem de equipe, tão comentada e polemica em outros anos foi banida em 2011. Agora nos resta esperar os primeiros testes em Valência depois Jerez, Barcelona e Bahrain onde veremos as máquinas abrindo o giro e acertando os detalhes para a temporada oficial de 2011.

Texto: Gionei da Rocha
Imagens: Todos os direitos reservados para FIA (Federação Internacional de Automobilismo)



Comentário(1) Abrir comentarios