2010 Mercedes-Benz SLS AMG E-Cell

Postado em: 07/2010

2010-mercedes-benz-sls-amg-e-cell-front-angle-speed-bridge-6-1280x960

Kristiansund, Noruega – A Mercedes-AMG está aceitando os desafios do automóvel do futuro: o SLS AMG E-CELL é prova do estado da arte do desenvolvimento de um carro de esportes super emocionante com uma “emissão zero” ao dirigir e com alta tecnologia.

Gozando de uma potência de 392 kW e 880 Nm de torque, o veículo com tecnologia da AMG é capaz de oferecer um desempenho excepcional. O gullwing com acionamento elétrico faz parte da estratégia da empresa, intitulada “AMG Performance 2015″, que visa reduzir continuamente o consumo de combustível e emissões.

Com o SLS AMG E-CELL, a Mercedes-AMG está oferecendo um vislumbre de seu mais recente projeto de desenvolvimento – um poderoso carro super esportivo e localmente livre de emissões. Concluído em fluorescente magno AMG ” pintura lumilectric “, o gullwing oferece a perspectiva de um ciclo de produção de pequenas séries possível e ao mesmo tempo reflete a força inovadora e competência e o desenvolvimento de performance da marca AMG.

2010-mercedes-benz-sls-amg-e-cell-front-angle-speed-bridge-4-1280x960

“Nós levamos muito a sério a responsabilidade social e com o SLS AMG E-CELL nós estamos demonstrando uma nova etapa do nossa estratégia ” AMG Performance 2015 “. O nosso objetivo é a contínua redução do consumo de combustível e as emissões de novos modelos nos próximos anos, enquanto ao mesmo tempo aumentamos o valor da marca núcleo de desempenho “, explica Ola Källenius, presidente do conselho da Mercedes-AMG GmbH. Com o SLS AMG E-CELL, o desempenho da marca Mercedes-Benz está lançando uma solução de acionamento totalmente inovadora para os carros super esportivos e, como tal, está entre os pioneiros neste segmento de mercado.

2010-mercedes-benz-sls-amg-e-cell-engine-compartment-1280x960

O sistema de acionamento com tecnologia inovadora do veículo apresenta algumas características marcantes: a tração poderosa é fornecida por quatro motores elétricos síncronos, com uma potência máxima combinada de 392 kW e um binário máximo de 880 Nm. Os quatro motores elétricos compactos podem atingir um rpm máximo de 12000 rpm cada e estão posicionados perto das rodas. Como resultado, em comparação com motores de cubo de roda, as massas não suspensas são substancialmente reduzidas. Uma transmissão por eixo transmite a força.

SLS AMG E-CELL

Quando se trata de dinâmica, a energia elétrica do SLS AMG faz uma afirmação: o modelo gullwing acelera de zero a 100 km / h em 4 segundos – o que quase o coloca no mesmo nível elevado do que o SLS AMG com motor V8 de 6,3 litros com desenvolvimento de 420 kW (571 cv), o que pode acelerar a 100 km / h em 3,8 segundos.

O SLS AMG drive E-CELL incorporam um líquido de refrigeração de alta voltagem da bateria de lítio-íon com um design modular, com um teor de energia de 48 kWh e uma capacidade de 40 Ah. O potencial elétrico da carga máxima da bateria, que consiste de 324 células de polímero de lítio-íon, é de 480 kW, que é um valor absolutamente melhor no setor automotivo. Outra característica desta técnica é o considerável desempenho no circuito paralelo inteligente dos módulos de bateria individual – isso também ajuda a maximizar a segurança, confiabilidade e vida útil da bateria. A bateria de 400 volts é carregada por meio de recuperação alvejada durante a frenagem, enquanto o carro está sendo conduzido.

SLS AMG E-CELL

A alta performance do sistema de controle eletrônico converte a corrente contínua da bateria de alta tensão trifásica em corrente alternada que é necessário para os motores síncronos e regula o fluxo de energia para todas as condições de funcionamento. Dois circuitos de baixa temperatura de refrigeração garantem que os quatro motores elétricos e eletrônicos de energia são mantidos a uma temperatura normal de funcionamento.

2010-mercedes-benz-sls-amg-e-cell-rear-angle-open-doors-tilt-1280x960

Um circuito separado de baixa temperatura é responsável pela refrigeração de alta voltagem da bateria de lítio-íon. Em baixas temperaturas externas, a bateria é rapidamente trazida para a temperatura de funcionamento com o auxílio de um elemento de aquecimento elétrico. Isso ajuda a preservar a vida útil total da bateria. Nas temperaturas externas extremamente altas, o circuito de refrigeração para a bateria pode ser incrementadas com a ajuda do sistema de ar condicionado.

2010-mercedes-benz-sls-amg-e-cell-front-and-side-open-doors-1280x960

O sistema de acionamento puramente elétrico foi fatorado na equação logo na fase de conceito, quando o modelo gullwing estava sendo desenvolvido. É idealmente embalado para a integração da alta performance, tecnologia de emissão zero: a título de exemplo, os quatro motores elétricos e duas transmissões podem ser posicionados tão próximo às quatro rodas quanto possível e muito baixa no veículo. O mesmo se aplica à bateria modular de alta corrente, cujos módulos estão localizados na frente do firewall, no túnel central e atrás dos assentos. As vantagens desta solução incluem o baixo centro de gravidade do veículo e distribuição de peso equilibrado – condições ideais para o tratamento ideal, que o SLS AMG elétrico-powered partilha com os seus irmãos de modelo a gasolina.

2010-mercedes-benz-sls-amg-e-cell-charging-inlet-1280x960

O front-wheel drive adicional chamado para um novo desenho do eixo da frente: ao contrário dos veículos produzidos em série com motor V8 AMG, que tem um eixo double wishbone, o SLS AMG E-CELL possui uma suspensão independente multilink, com braços amortecedores pushrod. Isso ocorre porque o amortecedor verticalmente disposto na SLS série teve de abrir caminho para o eixos de transmissão adicional. Como é habitual em uma grande variedade de veículos de competição, braços amortecedores horizontais são agora utilizados, que são operados através de hastes e alavancas transferência separadas.

2010-mercedes-benz-sls-amg-e-cell-top-rear-speed-1280x960

Graças a este design sofisticado frente-eixo, que já foi experimentado e testado no mundo do esporte a motor, a agilidade e dinâmica de condução do elétrico-powered SLS AMG atingir os mesmos níveis elevados como a variante V8. Outra característica é a direção hidráulica sensível à velocidade com pinhão e cremalheira-leme: a assistência de alimentação é implementado electrohydraulically ao invés de apenas hidraulicamente.

2010-mercedes-benz-sls-amg-e-cell-front-angle-speed-bridge-6-1280x9601

O veículo é freado com o auxílio de freios compostos de cerâmica AMG, disponível como opcional para o modelo de produção em série, que apresentam extremamente curtas distâncias de travagem, um ponto de atuação precisa e excepcional resistência ao derrapamento , mesmo em condições extremas de funcionamento. Os discos de grandes dimensões – medindo 402 x 39 mm na dianteira e 360 x 32 mm na traseira – são feitos de cerâmica de fibra de carbono reforçada, possuem um design integral e está conectado a uma bacia de alumínio em um arranjo radial flutuante . Os discos de freio de cerâmica são 40 por cento mais leve do que o convencional, de Ferro fundido cinzento.

Basicamente em relação ao SLS Série o SLS AMG E-CELL traz poucas modificações no interior e componentes de segurança, assim como todo o sistema de navegação. O Apelo ecológico deste SLS AMG é o destaca e o coloca em ascensão nos carros do futuro.

Texto: De Press Release Mercedes-Benz, traduzido por Gionei da Rocha com acréscimo de detalhes e explicações específicas do assunto.
Imagens: Copyright www.seriouswheels.com



Comentário(1) Abrir comentarios