Relê Automotivo

Postado em: 07/2009

dsc00186

Os relês automotivos são componentes chaveadores e temporizadores em um circuito elétrico. Através de um sinal de baixa corrente o relê fecha seu contato de alta corrente permitindo a passagem de uma corrente de trabalho para um consumidor. O relê funciona com o princípio do eletromagnetismo sendo um componente muito utilizado na arquitetura elétrica no automóvel.

O relê automotivo conta com uma bobina, onde é alimentada com positivo e negativo através de dois contatos, geralmente denominados pinos 85 e 86 do relê.

dsc00187
[Bobina do relê]

Esta bobina, quando energizada, produz ao seu redor um campo magnético, ou seja, ela se torna um eletroímã que por sua vez irá atrair uma palheta fazendo o contato em mais dois pinos, 30 positivo direto da bateria e 87 saída de trabalho que vai alimentar o consumidor elétrico.

dsc00189
[Contatos de chaveamento do relê]

Dessa maneira os interruptores do painel servem somente para alimentar a bobina de seu respectivo relê preservando a vida útil do interruptor e minimizando a robustez do mesmo, já que a corrente de trabalho que alimenta o consumidor vai direto para o relê.
rele-aberto
[Relê aberto]

rele-fechado
[Relê Fechado]

dsc00184
[Contatos do Relê]

Outro fator é que o relê acaba poupando a passagem de alta corrente elétrica para dentro do carro e no painel de instrumentos, evitando fios de grosso diâmetro e diminuindo o risco de incêndio no Automóvel.
Os relês ainda podem conter um circuito interno temporizado, com a função de alimentar por alguns segundos a bobina do relê, mesmo que o interruptor esteja desligado. Um exemplo é a luz de cortesia interna no automóvel, quando o motorista fecha a porta, a luz permanece ligada por alguns segundos. Este efeito acontece devido a interação de um componente chamado capacitor, muito parecido com uma pilha, que absorve energia e alimenta a bobina do relê por alguns segundos quando o interruptor for desligado.

Texto e Imagem: Gionei da Rocha
Desenho em Auto Cad: Gionei da Rocha

Comentários(40) Abrir comentarios