Sistema de Arrefecimento Automotivo

Postado em: 05/2009

dsc05383

O sistema de arrefecimento é o responsável por manter a temperatura de funcionamento do motor em um regime normal em torno dos 100ºC. O motor de combustão interna, em seu funcionamento, gera uma quantidade de calor muito grande.

O motor de ciclo Otto, por exemplo, perde em torno de 33% da potência gerada em forma de calor, tornando a temperatura um fator de destaque, dos problemas que afetam o funcionamento do motor. A temperatura contribui com a dilatação e compressão do material, e conseqüentemente quando o dimensional das peças é afetado o motor sente isso e seu funcionamento é alterado.

radiador
[Radiador, defletor de calor]

O desgaste do motor é outro item muito ligado a temperatura. O atrito gera calor que consequentemente gera o desgaste prematuro dos componentes do motor. Quando a temperatura não pode ser controlada as peças chegam a tal regime de temperatura onde começam a se fundir, o dimensional mais uma vez é modificado e o motor tranca, parando de funcionar.
Para se evitar estes tipos de problemas no motor temos a participação do sistema de arrefecimento que mantém a temperatura de funcionamento em índices ideais. O sistema conta com a circulação da água dentro de galerias no bloco e cabeçote junto com alguns componentes como bomba d’água e válvula termostática. O sistema ainda conta com um reservatório e um radiador para fazer a troca do calor com o meio externo.

Texto e imagem: Gionei da Rocha



Comentários(6) Abrir comentarios